DE A À Z :: Ansel Elgort

Ansel Elgort nasceu em 14 de março de 1994 em Nova York. É ator, cantor, modelo e DJ. Filho do fotógrafo Arthur e da diretora Grethe.

ARTISTAS – Sua família só tem artistas. O pai era fotógrafo, sua mãe diretora de óperas, a irmã mais velha, Sophie, fotógrafa e o irmão, Warren, cineasta.

BALLET – Ele é bailarino profissional. Quando pequeno, teve aulas com a professora Olga Kostritzky, a mesma que ensinou Natalie Portman para “Cisne Negro” (   ). “Eu odiava o balé, mas adorava me apresentar”, disse em entrevista ao “NY Daily News”.

CALA A BOCA, ANSEL! – Ele é conhecido por ter uma boca grande. Não literalmente, mas ele tem mania de falar demais sobre os filmes que vai estrelar. Em uma Comic Con que participou, acabou soltando alguns spoilers de “Divergente” e “A Culpa é das Estrelas”. Para estrelar “Carrie – A Estranha” no contrato ele estava proibido de falar qualquer coisa.

DJ – Seu codinome de DJ é “Ansolo” e além de adorar tocar nas baladas, ele já remixou até para a cantora Lana Del Rey, na música “Born to Die”.

ESTREIA – Sua estreia no cinema foi atuando em um remake clássico de “Carrie – A Estranha”, onde atuou do lado de Chloe Grace Moretz.

FRIENDS – Ele e a atriz Shailene Woodley são grandes amigos, afinal já atuaram juntos em “Divergente” e em “A Culpa é das Estrelas”.
Shailene Woodley e Ansel

GOSTOS – Em uma de suas entrevistas, ele deu uma resposta polêmica sobre ficar com várias pessoas: “Se você gosta de alguém, o sexo é muito bom e você gosta de passar um tempo com ela, porque não fazer dela a sua namorada? Por que sair por aí com várias garotas e ter transas terríveis quando você pode ficar com alguém que você realmente goste?”, disse.

HOBBY – Seu esporte preferido é o basquete.

INFÂNCIA – Quando criança, adorava brincar com Playmobil.

KITCHEN – Ele é fã do programa de culinária “Hell's Kitchen”.

LAGUARDIA – Ele chegou a se matricular na conceituada escola de artes LaGuardia High School. Lá, ele conheceu a bailarina Violetta Komyshan, sua namorada até hoje.

MUSICAL – Estreou sua carreira no teatro musical na escola, atuando como Link Larkin em “Hairspray”.

NÃO É FÁCIL... – “Se uma mulher é realmente bonita, pra mim é meio difícil ser só amigo”.

OSCAR – Sua mãe o fez passar uma gafe no Oscar. “Minha mãe é ridícula”, disse carinhosamente. “Nós estávamos em uma festa. Bruce Willis também estava lá com a esposa. Meu pai [Arthur Elgort] conhece a esposa do Bruce Willis porque ele é fotógrafo e ela, modelo. Ele nos apresentou e minha mãe perguntou: ‘Oi, qual o seu nome?’ Ele disse: ‘Eu sou o Bruce’. E ela: ‘ah, o que você faz?’; ‘Eu sou um ator’; ‘oh, meu filho também é ator. Como tem sido pra você?’ ‘Tem caminhado legal.’”

No Brasil, para divulgar "Em Ritmo de Fuga"
PRIMEIRA VEZ – O ator contou ao E! como foi sua primeira transa: “Eu não tinha ideia do que estava fazendo e a garota também não. Eu nem mesmo ajustei a luz. Essa seria uma coisa que eu faria diferente. A iluminação estava fluorescente e brilhante no quarto", revelou. "A única coisa que me fez sentir melhor, foi fazer de novo”.

QUASE... – Para viver Gus, em “A Culpa é das Estrelas”, o primeiro ator cotado foi Brenton Thwaites (Malévola), mas Ansel acabou ficando com o papel.

REVISTA – Certa vez, Ansel estava em um avião e uma pessoa sentada próxima estava com uma revista em mãos que tinha sua foto e uma matéria. Ele achou isso muito estranho.

SUCESSO – Sua carreira é curta, de apenas dez filmes, mas fez grandes sucessos como “Divergente”, “A Culpa é das Estrelas”, “Cidades de Papel”, e agora “Em Ritmo de Fuga”.

TIPO IDEAL – Em entrevista ao E! ele descreveu qual o seu tipo ideal de garota: “Eu gosto de mulheres fortes, que se exercitam. Meu pai fotografou muitas dançarinas lindas. Minha mãe era uma dançarina. Eu amo quando uma garota diz: 'Não posso sair, tenho que treinar'. E então eu vou buscá-la e ela está toda suada em um collant e com o com um coque no cabelo. Essa é a coisa mais sexy do mundo”, disse.

Uiii – Além de todos seus dons, Ansel sabe tocar piano.

VOGUE – Em 2009 fotografou para a “Teen Vogue” e o fotógrafo foi ninguém menos que seu próprio pai.

WORK WORK WORK – Em entrevista à People, ele disse que se identifica com o Gus, de “A Culpa é das Estrelas”: “Posso ser muito confiante às vezes, mas com alguém que sou realmente próximo, como minha mãe, eu vou desabar”, além disso confessou que chorou ao assistir o filme.

Xiii – Ainda quando dançava, passou um tempo obcecado por sapateado.


fraZs – É um sonho realizado. Estou fazendo o que queria fazer”.
Share on Google Plus

About Mariana Valverde

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários :

Postar um comentário