MULHER-MARAVILHA :: 8 curiosidades sobre a heroína que (talvez) você não saiba

Criada pelo psicólogo William Moulton Marston, Mulher-Maravilha já viveu diversas aventuras ao longo dos seus 75 anos de idade. Lançada em 1941 na revista All Star Comic #8, a personagem foi a chance que William encontrou de retratar a força das mulheres da época. Ativista feminista, Marston acreditava que a sociedade seria muito melhor caso fosse governada pelas mulheres.

Pensou, então, em uma heroina inspirando-se em sua mulher e a namorada do casal (Sim, os dois vivam uma relação aberta e possuiam uma outra mulher no relacionamento). Inventor do detector de mentiras, deu a personagem um "laço da verdade' e acrescentou um pouco de mitologia grega.

Mulher-Maravilha teve um tremendo sucesso que perdurou até os dias atuais. Mesmo com apenas uma adaptação para a TV, apesar de outras tentativas; e somente agora ter conseguido seu filme solo, a amazona já se tornou simbolo feminista e é um grande exemplo de força e poder para as mulheres.
Para comemorar a estreia do seu longa, o Parada Obrigatória de hoje apresenta 8 curiosidades sobre a personagem que (talvez) você não sabia:

- ORIGEM NAS HQS
Diferente de Batman ou Superman, que possuem suas famigeradas historias de origem, a heroina já ganhou duas versões de seu nascimento ao longo dos anos. A primeira delas, lançada em 1941, contava que ela havia sido esculpida do barro pela mãe, rainha Hipólita (já que não existem homens na ilha em que vivem) e abençoada pelos deus do Olimpo ganhando seus poderes: "“Bela como Afrodite, sábia como Atena, forte como Hercules, e rápida como Hermes”.
Em 2011, a DC resolveu reiventar sua historia. Dessa vez, Diana, seu nome de batismo, é filha de Hipólita e de Zeus. A semideusa foi escondida na ilha das amazonas para ficar protegida da ira de Hera, a esposa do maior Deus do Olimpo. Esta é a versão que vemos no novo filme da amazona.

- DIFERENTES NOMES
No ínicio, a personagem não havia sido batizada como Mulher Maravilha. A primeira escolha havia sido Suprema. Porém, devido a semelhança com o nome Superman, os editores da DC Comics decidiram mudar para Mulher Maravilha. No Brasil, já foi chamada de Super-Mulher e Miss América.

- VIDA NORMAL
Mulher-Maravilha já teve que conviver sem poderes durante certo tempo. Nos anos 60, uma das séries da personagens apresentava uma Diana que desiste dos seus superpoderes, abre uma boutique de roupas e começa a treinar artes marciais com um mestre chinês. Fracasso de audiencia, a revista Ms., fundada pela ativista feminista Gloria Steinem, começou a fazer pressão para que Mulher Maravilha recebesse seus superpoderes de volta, que aconteceu em 1973.

- A PRIMEIRA VERSÃO LIVE ACTION NÃO FOI A DE LYNDA CARTER
Se te perguntarem qual foi a primeira atriz a dar vida a personagem em uma versão com pessoas reais, é provavel que você responda Lynda Carter, que interpretou a heroina em sua primeira e única série produzida em 1975. Entretanto, esta não foi a primeira vez que Mulher Maravilha tentava sua versão na TV.
Um ano antes, a ABC lançou um telefilme inspirada nas aventuras de Diana, interpretada por Cathy Lee Crosby (foto), mas que não tinham em nada haver com a personagem dos quadrinhos: ela era loira, não tinha poderes, usava um macacão e seu trabalho era ser ajudante de um agente secreto do governo dos EUA. Obviamente o longa foi um fracasso sendo completamente reformulado para a serie.




- DE HEROINA PARA SECRETARIA DA LIGA DA JUSTIÇA
Apesar de ter sido criada para mostrar a força do sexo feminino, Mulher Maravilha sofreu na mão de outros desenhistas que não concordavam com alguns pensamentos. Em uma série da Liga da Justiça chamada "Sociedade da Justiça da América", Diana é contratada como secretária do grupo e fica muito feliz com isso. Em diversas missões era deixada para trás e levava com naturalidade. Seu criador, Marston, ficou extremamente irritado com a situação.



- COMPLETAMENTE DIGNA DO MJöLNIRl
Em uma edição especial de 1996 chamada 'Marvel vs DC', Thor acaba deixando seu martelo cair enquanto enfrentava Shazam. Diana facilmente o levanta, provando que é digna de carregá=lo, mas desiste de usa-lo contra Tempestade pois acredita ser uma vantagem injusta sobre a X-Men. Momentos depois Diana é eletrocutada pela mutante.

-DISPUTA PELO BAT-CORAÇÃO
Em 1968, Mulher-Maravilha chegou a se enfrentar com a Batgirl devido estar apaixonada por Batman. A fissura da personagem da edição era tanta que ela chegou a atrapalar diversar missões do Homem Morcego devido aos dois estarem dando uns "pegas" pelos becos de Gotham.

- CASO COM AQUAMAN
Na animação 'Liga da Justiça- Ponto de Ignição', em um Flashpoint, Mulher Maravilha ajuda Aquaman em uma missão e acabam ficando mais intimos  ( ͡° ͜ʖ ͡°) . Quem não gosta nada disso é a esposa de Aquaman, Mera, que confrona Diana e acaba tendo sua cabeça decabitada pela amazona. A morte faz com que o povo de Atlântida declare guerra as amazonas causando cerca de mais de 130 milhões de mortos no continente europeu.


Share on Google Plus

About Leonardo Marques

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários :

Postar um comentário