De A à Z - George Clooney - Parte 1


ABC
– George Timothy Clooney nasceu na cidade de Lexington, no dia 6 de maio de 1961. É filho do apresentador de televisão estadunidense Nick Clooney e de Nina Clooney.

Aposta – George Clooney e Brad Pitt nunca esconderam que são grandes amigos fora das telas. O problema é que os dois concorrem na categoria melhor ator no Oscar 2012. Para resolver esse pequeno problema os dois decidiram fazer uma aposta. Se perder, Clooney terá que cuidar de todos os filhos de Brad Pitt e Angelina Jolie por um dia. Entretanto se Brad Pitt perder a aposta ele será o marinheiro, por um dia inteiro no iate de luxo de Clooney, que fica no lago Como, na Itália.

Batman – Clooney sempre foi sinônimo de bons filmes, porém em 1997 se tornou o 6º ator a interpretar o homem morcego no filme “Batman & Robin”. O filme foi eleito não apenas como o pior de sua carreira como também da história. O ator revelou que se sentiu muito entusiasmado com o convite, mas depois do filme pronto bateu um arrependimento:  "Como retrospectiva, é fácil olhar pra trás neste momento e dizer 'Uau, aquilo foi uma merda e eu estava muito ruim".

Cerveja – Não vive sem uma cervejinha. Já chegou a fazer dublagens para comerciais de TV da cerveja Budweiser. Reza a lenda que tinha um barril de cerveja instalada em seu camarim durante as filmagens de Onze Homens e hum Segredo (2001).

“Dois hambúrgueres, alface...” – Resolveu comemorar seu Globo de Ouro como Melhor Ator Dramático pelo filme “Os Descendentes” de uma forma bem diferente. Encomendou 100 Big Macs para os convidados de uma festa que organizou após a cerimônia. Uma fonte próxima revelou que o ator não é um grande fã de fast food, mas não dispensa um Big Mac.

ER– Atingiu o estrelato quando interpretou Dr. Doug Ross na série de sucesso E.R. (conhecido aqui no Brasil como Plantão Médico). Estreou em 1994 e deixou a série em 1999 fazendo uma aparição na 6 ª temporada e uma participação especial na temporada final da série.

Filho – Um de seus maiores pavores é ser pai. Chegou a apostar U$10 mil com Michelle Pfeiffer e Nicole Kidman que ele seria pai antes dos 40 anos. Como elas perderam, enviaram-lhe o cheque. Clooney, por sua vez, devolveu o dinheiro, dobrou a aposta dizendo que não seria pai antes dos 50.

Gays – "Pense bem. Eu estava em uma roupa de borracha, com bicos do peito de borracha. Poderia ter feito o personagem heterossexual, mas fiz ele gay. Eu tirei Batman do armário."

Homeopatia - Ele prefere os remédios homeopáticos à medicina tradicional.

Interpretação – Até conseguir se manter somente pela interpretação, Clooney teve várias profissões como vendedor de seguros e de sapatos femininos, além de fazer caricatura em shoppings.

Jornalismo – Desde os cinco anos de idade acompanhava o pai nos estúdios de gravação. Chegou a cursar Comunicação por um ano na Universidade de Kentucky, mas para evitar a competição com o pai, decidiu abandonar emprego de jornalista e se dedicou a carreira de ator.

Limite – "Gosto de beber, e em alguns momentos da minha vida isso passou do limite entre diversão e ter que beber tarde da noite por motivo algum. Então o que faço é parar. Não bebo nada desde a noite de réveillon. Às vezes bebo demais".

*CONTINUA PRÓXIMA QUINTA (23/02/2012)*
Share on Google Plus

About Leonardo Marques

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários :

Postar um comentário