De A á Z - Marilyn Monroe - parte 1


ABC - Norma Jean Baker nasceu no dia 1 de junho de 1926 em Los Angeles. Alguns biógrafos acreditam que o pai biológico de Marilyn era Charles Stanley Gifford, um agente de vendas do estúdio RKO, Gladys Pearl Monroe, sua mãe, trabalhava em uma editora de filmes, mas problemas psicológicos a impediram de permanecer no emprego e acabou sendo levada para uma instituição de tratamento psiquiátrico.

Altura – Algumas medidas: 1,67 m de altura, 94 cm de busto, 61 cm de cintura e 89 cm de quadril.

Biblioteca –Em sua casa contava com uma biblioteca pessoal contendo mais de 400 livros de diversos temas: arte, história, psicologia, filosofia, literatura, religião, poesia, jardinagem etc. Muitos foram leiloados em 1999.

Candle – A música Candle in the Wind, de Elton John, foi escrita em homenagem a Marilyn.

DiMggio – No dia 14 de janeiro de 1954, Marilyn casou com o jogador de baseball Joe DiMaggio, seu 2º marido. Eles namoravam há dois anos quando Joe pediu a seu agente que organizasse um encontro para os dois jantarem e a pediu em casamento. Infelizmente, a fama de Marilyn e sua figura sexual tornaram-se um problema em seu casamento. Nove meses depois, no dia 27 de outubro de 1954, se divorciaram. Atribuíram a separação a "conflitos entre carreiras", e permaneceram bons amigos.

Endometriose – Sofria de endometriose, uma doença na qual os tecidos uterinos se desligam do útero e se ligam a outras áreas do corpo, causando dor, sangramento irregular, e, em casos graves, infertilidade.

Fama – Longe da fama e dos holofotes, ela gostava de usar apenas um robe.

Globo de Ouro – Marilyn sempre batalhou para que desvinculassem sua imagem de “gostosona” para uma atriz de sucesso. Em 1959, Marilyn brilhou em Quanto Mais Quente Melhor, (Some Like It Hot), de Billy Wilder, e teve seu trabalho reconhecido ao vencer o Globo de Ouro de "Melhor Atriz em Comédia".

Happy Birthday – Além da famosa cena do vestido voando, existe outro acontecimento muito reproduzido. Em 19 de maio de 1962 ela se apresentou para o presidente John F. Kennedy em uma homenagem ao aniversário de 45 anos, no Madison Square Garden. Ela cantou "Happy Birthday".

Inocência – Na década de 50, sua inocência, junto com sua inata sensualidade, a tornaram querida no mundo inteiro. Nas filmagens O Segredo das Viúvas (1951), por causa do maiô que usava (picantes para a época), o diretor Joseph M. Newman teve gravar as cenas em um conjunto fechado.

Jimmy – Aos 16 anos, e sem ter onde ficar, Norma Jean tinha duas opções: voltar para o orfanato ou se casar. Então, no dia 19 de julho de 1942, casou-se com seu primeiro marido Jimmy Dougherty, de 21 anos, a quem namorava há seis meses. Só que em 1944, Jimmy entrou para a Marinha e acabou sendo transferido para o Pacífico Sul, a separação acabou levando o casal ao divorcio em junho de 1946.

* Continua na próxima quinta (25/11)*
Share on Google Plus

About Leonardo Marques

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários :

Postar um comentário