Top Top - Carreira Infantil

Eles eram bonitinhos e fofinhos, porém cresceram e continuam sendo.
O Top Top de hoje mostra os 10 astros que começaram a carreira na infância e hoje são nossos idolos:

Lindsay Lohan
Lindsay Lohan começou sua carreira aos 3 anos como modelo da “Ford Models”, sendo a primeira modelo ruiva infantil da agência. Desde o momento estreou em mais de 80 comerciais para a TV, de marcas como “Jello”, “The Gap”, “Pizza Hut” e “Wendy's”.
Lindsay ficou realmente famosa aos 12 anos, interpretando as irmãs gêmeas do longa-metragem “Operação Cupido" em 1998. Inicialmente o papel das gêmeas foi oferecio à Michelle Trachtenberg, que o recusou para deixa-lo para Lindsay. Algum tempo depois, Lindsay Lohan foi convidada para viver Penny, no filme “Inspetor Bugiganga” e em retribuição deixou o o papel à Michelle.
Depois do grande sucesso em “Operação Cupido”, Lindsay trabalhou outro filme da Disney, com a modelo-atriz Tyra Banks em “A Boneca Que Virou Gente" em 2000.
Lindsay gravou outro grande sucesso do cinema “Confissões de uma Adolescente em Crise”. Foi neste filme onde Lindsay anunciou-se oficialmente como cantora e lançou seu primeiro single "That Girl(Drama Queen)", parte da trilha sonora do filme.
2004 foi um ano de sorte para Lindsay, que interpretou Cady, no longa-metragem "Meninas Malvadas", um de seus grandes êxitos em sua carreira de atriz, firmando-a como a "Teen Queen Maxíma", como um programa de Tv a retratou.
Em 2007, Lindsay passou por 3 reabilitações, sendo a última em Utah, com um tratamento de 3 meses (inciado em Outubro), Lindsay saiu mais saudável e desde então não houve nenhum relato dela usando drogas ou bebendo.
Lindsay foi presa em maio de 2007 por dirigir embriagada e com a carteira suspensa. Ela declarou que tudo era verdade, e foi julgada a 2 anos de condicional, teve sua carteira suspensa e fez trabalhos comunitários.
Lindsay Lohan foi considerada pela revista People como a musa pop teen que mais inspira seus fãs no mundo e que mais tem prestigio em Hollywood.
Seu terceiro cd ja está em fase de produção.Lindsay ja reveleu que o cd terá faixas com um pop "urbano"
Lindsay,por sua vez,foi considerada a mulher mais sexy de 2007.Foi eleita a mulher que mais se destacou em 2007,nos aspectos musicas e cinematograficos.
Leonardo DiCaprio
Leo foi encorajado desde pequeno à aderir a carreira artística. Com apenas três anos conseguiu lugar no programa “Romper Room”, do qual foi expulso por ter um temperamento difícil. Depois do incidente, o menino se dedica a estudar interpretação. O que gerou alguns outros papeis na televisão.
Sua primeira oportunidade na telona foi no longa “O Despertar de um Homem”, o qual concorreu com 400 meninos para atuar ao lado de Robert De Niro e Ellen Barkin. Logo em seguida, DiCaprio fez, ao lado de Johnny Depp, “Gilbert Grape - Aprendiz de Sonhador”, filme pelo qual foi indicado ao Oscar de melhor ator coadjuvante.Em 1995 o ator fez três longas que ajudaram-no a consolidar-se em Hollywood. Foram estes: “Rápida e Mortal”, “Diário de um Adolescente” e “Total Eclipse”.
Foi ai que surgiu “Titanic”, um capítulo à parte na vida do ator (e do cinema). O filme de James Cameron é a maior bilheteria da história, e boa parte desta foi em função de DiCaprio. Já que ele levou garotas de todo mundo a assistirem o longa várias e várias vezes. Depois de “Titanic” houve uma grande fase Leonardo DiCaprio, onde se vendiam tudo sobre o ator, de cadernos à chicletes.Entretanto, Leo não soube se aproveitar, muito bem, do sucesso de “Titanic”, fez “O Homem da Máscara de Ferro” e o péssimo “A Praia”, e acabou sumindo por um tempo. Em 2003, o ator, considerado uma das pessoas mais belas do mundo, voltou com tudo, prometendo uma fase menos galanteador e mais talentoso, com “Gangues de Nova York”, de Martin Scorsese, e “Prenda-me Se For Capaz”, de Steven Spielberg.Com o sucesso de “Gangues de Nova York”, que conseguiu 12 indicações ao Oscar, Leo caiu nas graças de Scorsese e já realizou com o magnífico cineasta “O Aviador” e “Os Infiltrados”.
Christina Ricci
Christina diz não se arrepender de ter começado a carreira artística muito cedo pois sentia-se entediada em casa e na escola. Participou do primeiro filme de sua carreira, "Minha Mãe é uma Sereia", aos dez anos de idade. Logo depois, Christina pode ser vista no papel que a imortalizou como a gótica Wednesday Addams(no Brasil,Vandinha) em "A Família Addams". Seu sucesso foi tanto que os produtores aumentaram seu papel na sequência do filme.
O ar gótico foi um pouco esquecido quando a atriz mostrou sua face mais angelical nos filmes "Agora e Sempre", com Demi Moore, "Gasparzinho", de Steven Spielberg e "Caçadoras de Aventura", todos de 1995. Nesta fase, aos quinze anos de idade, Christina sofreu com o divórcio dos pais. A transformação de criança a adulta transformou seu corpo levando-a a engordar, o que desencadeou uma série de regimes mal elaborados. Devido aos seus problemas com a anorexia, Christina hoje declara-se contra o regime para adolescentes.
Depois de passar por isto, Christina participou do filme de Ang Lee, "Tempestade de Gelo", onde desempenhou seu melhor trabalho, segundo a própria atriz.
Em 1998 recebeu uma indicação ao Globo de Ouro de Melhor Atriz - Comédia/Musical, por "O Oposto do Sexo" e uma indicação ao Independent Spirit Awards de Melhor Atriz também por este filme.
A atriz pareceu ter entrado em declínio ao fazer filmes de pouco destaque como A Filha da Luz e "Geração Prozac", que marcou sua estréia como produtora. Seu rosto voltou a ser visto com mais destaque nos cinemas brasileiros com o filme "Igual a Tudo na Vida", de Woody Allen e "Monster".
Em 2008, fez a adaptação de Speed Racer para o cinema como a jovem Trixxie, namorada do protagonista Speed Racer, vivido pelo ator Emile Hirsch.
Daniel Radcliffe
Desde os cinco anos dizia que queria ser ator, mas foi somente em 1999, que começou sua carreira com "David Copperfield" da CNN. Após isso gravou "O Alfaiate do Panamá". David Heyman, um dos produtores de Harry Potter, estava procurando por um ator que pudesse interpretar o jovem mago, e ele era amigo do pai de Daniel.
Foi quando em um dia, durante uma peça de teatro a qual Daniel e seu pai, Alan assistiam a peça, que o produtor não desgrudou os olhos do garoto. Logo ao fim do espetáculo,ele foi até Alan e lhe disse: "Ele poderia ser Harry Potter" e convenceu a família de Daniel a deixa-lo fazer o teste, no qual acabou sendo escolhido. Nas férias entre as filmagens de o Cálice de Fogo e Ordem da Fênix, Daniel Radcliffe filmou December Boys na Austrália que teve sua estréia no final do ano de 2007. Também teve uma pequena participação no seriado Extras e participou da peça teatral na Inglaterra chamada Equus e tem causado muita polêmica pelo fato do ator aparecer nu e ter que montar em um cavalo em uma cena da peça. Atualmente Daniel tem 19 anos e mora em Londres com os pais, recentemente viaja a diversas colônias Africanas para ajudar os refugiados assim como Angelina Jolie.


Elija Wood
Sua carreira cinematográfica começou aos oito anos de idade, quando estreou no cinemas com um pequeno papel de De volta para o Futuro II (1989) no ano seguinte Wood ganhou um papel de destaque em Avalon, de Barry Levinson, foi quando começou a ser notado pelos críticos. Desde então Wood tem tido uma sólida carreira, de ator mirin passou a ser um respeitado jovem ator. Ganhou o status de astro ao protagonizar trilogia cinematográfica de O Senhor dos Anéis, no papel de Frodo Baggins. Após o sucesso da trilogia Elijah tem se dedicado ao cinema alternativo, escolhendo personagens variados e intensos. Wood também investe no mercado fonográfico e em 2005 fundou seu próprio selo independente

Macaulay Culkin
O enorme sucesso em seu mais importante filme da carreira Esqueceram de Mim, comédia que rendeu-lhe fortuna, fama e glamour em 1990 e marcou época até os dias de hoje nos períodos natalinos. Macaulay vivenciou uma trajetória que poucos atores infantis de Hollywood conseguiram escapar. Primeiro, a glória – cravou seu nome na história do cinema como o mais bem-sucedido representante dessa categoria de ator em todos os tempos. Depois, o esquecimento – Macaulay sumiu das telas a partir de 1994, enquanto seus pais se engalfinhavam numa batalha por sua fortuna de 17 milhões de dólares. A muito custo, o ator garantiu na Justiça o direito de cuidar de seu dinheiro. Já a carreira continuou na mesma, ainda que ele jurasse que seu exílio do cinema era voluntário. Em 2003, aos 23 anos, parece enfim desabrochar para a idade adulta ao ousar gravar o filme: Party Monster, é uma produção um tanto alternativa que enfoca os excessos do mundo clubber nova-iorquino. Tudo no filme, dos figurinos às performances do elenco, é marcadamente gay. E o personagem de Macaulay não foge à regra, pois baseado em fatos reais ele passa a ser o famoso Michael Alig das noites nova-iorquinas nos anos 90 que hoje se encontra na cadeia por ter assassinado seu companheiro de apartamento à marteladas. Macaulay até foi na prisão visitar o verdadeiro Michael Alig e se caracterizar por completo para o filme.
Em 2008 Macaulay apresenta seu mais novo trabalho que surpreende com uma produção independente: Sex and Breakfast, ou em português: "Sexo e café da manhã" trata-se de uma ousada produção estilo humor negro onde dois casais com problemas amorosos decidem procurar um psicólogo para guiar eles em momentos difíceis na relação intima. A solução estranhamente proposta pela psicóloga foi a troca de parceiros entre os casais.


Haley Joel Osmet
Foi descoberto por um caça-talentos em uma loja de móveis, e apareceu pela 1ª vez na televisão em um comercial de pizza. Em 1994, aos 6 anos, interpretou o filho de Tom Hanks no filme Forrest Gump- O Contador de histórias, e sua carreira despontou, no suspense O Sexto Sentido, quando Haley interpretou o garotinho Cole contracenando com Bruce Willis, onde imortalizou a frase "Eu vejo gente morta" ("I see dead people"). Haley então se tornou o 8º ator mais jovem a ser indicado ao Oscar, concorrendo à estatueta de melhor ator pelo filme "O Sexto Sentido". Em 2000, Haley interpretou Trevor Mckinney no drama A Corrente Do Bem, e em 2001 sua fama cresceu ainda mais na ficção de Steven Spielberg AI:Inteligência Artificial, onde interpretou o menino robô David. Haley, que até então dividia o tempo entre os estudos e a escola, se afastou um pouco das telas fazendo dublagens e mais 2 filmes (Lições para toda vida e Os Anjos Da Guerra). Haley Joel Osment atualmente se dedica a papéis mais maduros.
Como quase todos atores que começam carreira cedo, Haley não poderia ficar de fora de escândalos. Aos 18 anos, Haley foi preso por dirigir alcoolizado e por porte de maconha no carro que dirigia.
Mary Kate e Ashley Olsen
Surgiram na televisão aos nove meses de idade, interpretando a Michelle Tanner, na serie Três é Demais, e desde então têm lançado uma série de filmes, series, roupas, brinquedos e anúncios publicitários, além dos produtos, as gémeas são as donas da companhia Dualstar. Tudo isso garantiu-lhes o título de jovens celebridades mais ricas do mundo, posto perdido no ano passado, 2007, quando elas completaram 21 anos e ocuparam a 37ª posição no ranking geral das celebridades mais ricas do mundo, à frente de ícones como Cristiano Ronaldo, Paris Hilton e David Beckham. Têm um irmão mais velho, Trent (nascido em 6 de maio de 1984) e uma irmã mais nova, Elizabeth Marie "Lizzie" Olsen (nascida em 16 de Fevereiro de 1989). Em 1996, os seus pais divorciaram-se. Dave casou-se com Martha Mackenzie e teve mais dois filhos, Taylor e Jake.
Ao completarem 18 anos,as meninas deram um grito primal de independência.Assumiram o controle da própria fortuna,mudaram da casa de sua mãe para o outro lado do país - Nova York,entraram na faculdade e viraram literalmente o guarda - roupa.A mudança foi tão radical,que mereceu destaque nas páginas da maior e mais respeitada revista semanal do Brasil,Veja,na edição 'Veja MODA & Estilo',onde as queridinhas dos EUA se rebelaram e agora tem um estilo "desarrumado".
Atualmente, Ashley trabalha no ateliê do estilista Zac Posen,garoto-prodígio da moda americana;a irmã,Mary Kate,por sua vez,faz estágio com a celebrada fotógrafa Annie Leibovitz.

Drew Barrymore
A carreira de Barrymore começou aos 11 meses de idade, ao participar num casting para um anúncio de televisão de comida para cães. Durante os testes, ela foi mordida pelo cão, que seria o seu co-protagonista, e os produtores esperavam já uma cena de pranto, quando Drew surpreendeu toda a gente ao desatar a rir, em vez de chorar, como seria normal num bebé daquela idade. Resultado: foi contratada.
A sua estreia no cinema ocorreu aos cinco anos em “Altered States” (1980). No ano seguinte, fez de Gertie à frente das câmaras de Steven Spielberg no referido blockbuster “ET”. Três anos depois, aos nove anos de idade, recebeu um Globo de Ouro como Melhor Atriz Secundária pelo seu desempenho em “Irreconcilable Differences”.
Drew Barrymore não estava preparada para tanta fama e sucesso. E acabou por viver uma adolescência turbulenta. Aos nove anos, imagine-se, tornou-se frequentadora assídua do célebre clube nocturno Studio 54, fumando cigarro atrás de cigarro e bebendo alcóol desmesuradamente, como se de uma adulta se tratasse. Aos 10 anos, tornou-se dependente de marijuana, aos 13 de cocaina.
Começou a fazer reabilitação, reincidiu, e voltou para a clínica de desintoxicação de drogas aos 14 anos. A sua vida era uma inferno e um tema constante nos media. Em 1990, Barrymore descreveu detalhadamente todo esse período atribulado na sua autobiografia intitulada “Little Girl Lost”.
Shirley Temple
Shirley começou a ter aula de dança com três anos de idade e foi contratada para participar de uma série de curtas chamadas "Baby Burlesks", que parodiavam estrelas e astros adultos, mais notadamente Marlene Dietrich. No mesmo ano, atuou numa sucessão de filmes curta metragens, incluindo "Little Miss Marker", "Change of Heart", "Now I'll Tell", "Now and Forever" e "Bright Eyes" (no qual cantou seu mais popular sucesso "On The Good Ship Lollipop").
Ganhadora de um Oscar especial aos seis anos de idade, Temple foi a salvadora da Fox e do público na época da Grande Depressão. Inclusive o presidente norte-americano Franklin D. Roosevelt sucumbiu a seus encantos e lhe agradeceu por "ter feito a América atravessar a Grande Depressão com um sorriso". Shirley foi campeã de bilheteria de 1935 a 1938 com seu eterno otimismo e seu sorriso vencedor. Aposentou-se do cinema em 1949, e em 1967, se candidatou ao cargo de representante do estado da Califórnia no congresso norte-americano, mas não obteve êxito. Nos anos de 1969 e 1970, foi delegada junto às Organizações Nações Unidas (ONU). Também foi embaixadora americana em Ghana (1974-1976), foi chefe de protocolo para o presidente Gerald R. Ford (1976-1977) e membro da delegação americana que tratava dos problemas dos refugiados africanos (1981). De 1989 até 1992, Shirley Temple serviu como embaixadora na Tchecoslováquia.
No Brasil o visual de Shirley Temple foi usado como modelo para o da apresentadora mirim Maísa Silva do SBT. A Revista Veja disse em uma reportagem que Silvio Santos teria notado a semelhança do rosto de Maísa com o de Shirley Temple aos 5 anos de idade, e tido a ideia de usar o visual de Shirley em Maísa. O próprio Silvio teria selecionado fotos de Shirley Temple que, penduradas no camarim, inspiram os figurinistas e cabeleireiros responsáveis por deixar Maísa parecida com Shirley. Essa informação acabou sendo confirmada pela própria Maísa, no Programa Silvio Santos exibido no dia 12/10/08, quando Silvio Santos perguntou a ela por que sempre usava vestidos e o mesmo penteado, Maísa o repondeu no ar : "É você que acha que eu sou parecida com a Shirley Temple."
_______________________________________

Todo ano aparece mais um ator mirin para nós chamarmos de fofinhos, mais é necessário cuidado para que quando eles cresçam não serem mais um drogado e bebado de hollywood.
Share on Google Plus

About Leonardo Marques

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários :

Postar um comentário